SBC promove webinares em alusão ao Dia Mundial sem Tabaco

Programação ocorre em dois dias e abordará temas relacionados aotabagismo. Eventos online serão realizados pela Diretoria de Promoção de Saúde Cardiovascular. No dia 26/5,transmissãointegra o Projeto “Cuidando do Coração”, parceria com o CONASEMS, e no dia 29/5 tem execução pelo departamento de Aterosclerose


A Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) preparou programação especial para celebrar o Dia Mundial sem Tabaco, 31/5, data que tem o objetivo de aumentar a conscientização sobre o impacto negativo que seu uso e a exposição ao fumo passivo exercem sobre a saúde pulmonar. Serão realizados dois webinares, onde especialistas abordarão, além do tabagismo, o tabaco como doença pediátrica e adulta. Os eventos online serão realizados pela Diretoria de Promoção da Saúde Cardiovascular/FUNCOR, pelo departamento de Aterosclerose da SBC, e também com o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS).


No dia 26/5, às 15h, com transmissão pelo canal do YouTube do CONASEMS, a coordenadora de ações relativas ao tabagismo da SBC, Jaqueline Scholz, ministrará a palestra “Tabaco como doença pediátrica e adulta: Tratamentos e abordagens multiprofissionais na Atenção Primária”.


A ação está inserida no contexto da parceria entre a SBC e o CONASEMS para promover conjuntamente a educação de equipes da atenção básica de saúde dos municípios, referenciando os temas relativos à prevenção das doenças cardiovasculares. A série de atividades online recebeu o nome de Cuidando do Coração.


E no 29/5, às 10h, a Diretoria de Promoção da Saúde Cardiovascular/FUNCOR e o Departamento de Aterosclerose da SBC promovem o webinar Tabagismo | Dia Mundial sem Tabaco, uma série de palestras informativas sobre o tema, com transmissão pelo canal de webinares da SBC.


Programação


A coordenadora de ações relativas ao tabagismo da SBC, Jaqueline Scholz, apresentará sobre o tabagismo e a aterosclerose: uma análise histórica; o chefe da Seção de Hipertensão e Nefrologia do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia e Liderança em Controle Global do Tabagismo pela John’s Hopkins University, Márcio Sousa, falará sobre os efeitos do Narguilé e do cigarro eletrônico no coração; e o Fellow do American College of Cardiology e da European Society of Cardiology, Fernando Augusto Alves da Costa, explanará sobre outras drogas ilícitas e a aterosclerose.


Cada palestrante dará uma aula de 20 minutos e posteriormente serão abertos os debates com a participação do coordenador do Programa Estadual de Controle do Tabagismo do Estado do Amazonas, Aristóteles Comte de Alencar Filho, e do médico assistente da Unidade Clínica de Lípides do InCor-HCFMUSP, do Check-up do Hospital Sírio Libanês e professor colaborador da Faculdade de Medicina da USP, Marcio Hiroshi Miname. A moderação será da membro-fundadora do Comitê da Criança e do Adolescente da diretoria de Promoção da Saúde/FUNCOR e coordenadora geral e pesquisadora principal do Programa SBC vai à Escola, Carla Janice Baister Lantieri.


Tabaco e coração


O Dia Mundial sem Tabaco chama a atenção também para a ligação entre tabaco e doenças cardiovasculares, incluindo acidentes vasculares cerebrais, que, combinados, são as principais causas de morte no mundo (17,7 milhões de pessoas por ano).


De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), sete milhões de pessoas morrem anualmente pelo tabagismo; destas, 900 mil são vítimas de fumo passivo.


A prevalência do tabagismo do Brasil está em 8%, número bastante baixo se equiparado a países como Austrália, Canadá e Nova Zelândia. Os índices vêm diminuindo, porque o país tem adotado políticas públicas adequadas de combate, como a proibição de propagandas do produto e legislações que, de fato, desestimulam o indivíduo a fumar.

102 visualizações