• Cardiol

Redução na Hospitalização e Aumento na Mortalidade por Doenças Cardiovasculares durante a Pandemia

  • Tiago Senra - Co-Editor de Mídias Sociais do ABCcardiol

Fundamentação: a chegada da pandemia de COVID-19 ao Brasil ensejou uma série de medidas por parte de autoridades governamentais e de saúde pública no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS), dentre elas a redução de atendimentos, exames complementares e procedimentos eletivos relacionados às doenças cardiovasculares (DCV), assim como o redirecionamento de leitos e recursos para o tratamento de pacientes com COVVID-19. O impacto dessas medidas sobre as internações hospitalares (IH), óbitos hospitalares (OH) e letalidade hospitalar (LH) são o objetivo do estudo conduzido pelos autores de diversas instituições de ensino no Brasil (1).


Metodologia: estudo observacional de séries temporais de exames complementares, procedimentos hospitalares e ambulatoriais, IH, OH e LH nos períodos de janeiro a maio de 2016 até 2020. Os dados foram obtidos através da plataforma DATASUS e coletados em 09/07/2020. Os dados referentes ao ano de 2020 foram comparados aos dados de 2019 e a tendências projetadas a partir dos dados de 2016-2019.


Principais resultados: na comparação entre março-maio de 2020 vs. 2019, houve queda estatisticamente significativa no número de eletrocardiogramas (-41%), ecocardiografia (-42%), Holter (-51%), MAPA (-74%), teste ergométrico (-59%), cateterismo adulto (-27%) e implante de marca-passo (-11%). Cirurgias cardiovasculares (-13%) e endovasculares (-32%) também apresentaram reduções significativas.


Internações hospitalares por comorbidades cardiovasculares agrupadas apresentaram queda significativa (-15%), assim como óbitos hospitalares (-8%).

No entanto, a letalidade intra-hospitalar apresentou aumento significativo de 9% na comparação entre os períodos, destacando-se os subgrupos doenças hipertensivas (29%) e insuficiência cardíaca (8%).


Na comparação com as tendências projetadas a partir dos anos anteriores, número de procedimentos e IH no período março-maio/2020 apresentaram queda, enquanto LH mostrou aumento, todos significativos.


Conclusão: o estudo identificou queda no número de procedimentos e IH por DCV durante os primeiros meses da pandemia de COVID-19 no SUS, com aumento da LH.


Impacto clinico: o estudo traz dados originais sobre o impacto da pandemia de COVID-19 no atendimento aos pacientes com DCV no SUS no Brasil no período de março-maio de 2020.


A redução nas taxas de procedimentos pode estar relacionada à restrição temporária no atendimento ambulatorial/internação eletiva de pacientes com DCV e/ou ao receio dos pacientes de contrair o vírus SARS-CoV-2 ao comparecer às unidades de atendimento. Independente da causa, o fenômeno pode ter ocasionado atraso diagnóstico e progressão de doença, o que poderia impactar negativamente na LH.


A desproporção entre a queda na taxa de IH e OH resultou no aumento da LH, dado que se torna ainda mais relevante se consideramos o excesso de óbitos cardiovasculares em 6 capitais brasileiras com maior número de óbitos por COVID-19 no mesmo período analisado pelo estudo (2), o que reforça a hipótese de maior ocorrência de óbitos entre aqueles que não procuram o hospital ou não são internados.


O curto período de análise dos dados num momento em que ainda não havia colapso da rede hospitalar no atendimento à COVID-19 e a todas as demais patologias enseja a justificada preocupação de que o mesmo modelo de estudo repetido nos dias atuais poderia apresentar resultados ainda mais graves.

Referência Bibliográfica:


  1. Normando PG, Araujo-Filho JA, Fonseca GA, Rodrigues REF, Oliveira VA, Hajjar LA, Almeida ALC, et al. Redução na Hospitalização e Aumento na Mortalidade por Doenças Cardiovasculares durante a Pandemia da COVID-19 no Brasil. Arq. Bras. Cardiol. 2021;116(3):371-80.

  2. Brant LCC, Nascimento BR, Teixeira RA, Lopes MACQ, Malta DC, Oliveira GMM, et al. Excess of cardiovascular deaths during the COVID-19 pandemic in Brazilian capital cities. Heart. 2020;106(24):1898-905.

275 visualizações