• Cardiol

Nota de Pesar - Armênio Costa Guimarães - 17/06/1933 – 19/04/2020


NOTA DE PESAR Armênio Costa Guimarães 17/06/1933 – 19/04/1920 Em nome da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), manifesto nosso pesar pelo falecimento do Professor Armênio Costa Guimarães, ilustre associado, mestre de uma geração de cardiologistas da Bahia e do Nordeste. Homem de formação moral sólida, humanista, cultura médica vasta e rara capacidade didática. Por décadas teve participação ativa nas atividades científicas da SBC e era uma referência na Medicina Cardiovascular. Formado na tradicional Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Bahia em 1956. Entre 1964/65 foi médico bolsista da Divisão de Cardiologia da Faculdade de Medicina da Universidade de Minesota (USA). Ainda jovem foi instrutor de Medicina Interna da Faculdade de Medicina da UFBA e Professor de Propedêutica Clínica da Universidade de Brasília (UNB). Professor Visitante da Faculdade de Medicina da Universidade de Cornell (NY-USA) e médico assistente do New York Hospital. Armênio Costa Guimarães era Professor Titular da Faculdade de Medicina da UFBA e Membro Emérito da Academia de Medicina da Bahia. Autor de diversas publicações originais em revistas indexadas nacionais e internacionais. Pertence a uma geração de grandes ícones da Medicina Cardiovascular Brasileira que marcaram época pelo conhecimento e postura moral inatacável.

Marcelo Queiroga e Isabel Guimarães

A Sociedade Brasileira de Cardiologia, em 2018, durante o 73º Congresso de Brasileiro de Cardiologia, realizado em Brasília, homenageou o Professor Armênio Guimarães por sua longa trajetória dedicada à Cardiologia do Brasil. Depois de uma vida longa e honrada, deixa-nos um legado de dedicação e amor a Medicina, exemplo para todas as gerações de cardiologistas do Brasil. Marcelo Queiroga Presidente

420 visualizações